Arquivo da tag: arte

Richard Stallman, fundador do Movimento Software Livre, fará palestra sobre Patentes no CCSL-USP

http://ccsl.ime.usp.br/pt-br/news/12/05/23/richard-stallman-fundador-do-movimento-software-livre-fara-palestra-no-ccsl-usp

Nesta sexta-feira, o CCSL-USP receberá a visita de Richard Matthew Stallman, no IME-USP. Uma oportunidade de conhecermos melhor o Fundador do Movimento Software Livre, do Projeto GNU e da Free Software Fundation (FSF). Stallman consolidou o conceito de “copyleft” ao escrever a Licença Pública Geral GNU (GNU/GPL), a licença livre mais usada no mundo. Desde 1990, ele dedica a maior parte do seu tempo como ativista político, defendendo o software livre e lutando contra as patentes de software.

Dessa forma, o CCSL-USP tem o prazer de convidar todos para a palestra desse grande nome da história da computação que ocorrerá nesta sexta-feira às 16h. Dando continuidade às discussões atualmente em andamento sobre as patentes de software no Brasil, Stallman apresentará sua visão sobre o tema. Quem já assistiu alguma de suas palestras sabe que ele, além de excelente orador, tem pontos de vista muito bem embasados e focados no interesse coletivo; quem nunca assistiu não pode perder essa oportunidade!

A palestra será em inglês, mas vale observar que Stallman fala pausadamente e com pronúncia claríssima.


O Que? Palestra do Richard Stallman sobre patentes de software.

Quem? Isso mesmo: Richard Stallman!

Quando? 25 de maio de 2012, sexta-feira, das 16h as 18h.

Onde? Instituto de Matemática e Estatística da USP, sala B-10 (Rua do Matão, 1010 – bloco B – Cidade Universitária, São Paulo).

Como? Gratuito (100 lugares), sem necessidade de inscrição.

Por que? Um dos maiores nomes da computação das últimas décadas falando sobre um tema atualmente em debate no Brasil.


Título: The Danger of Software Patents

Resumo: Richard Stallman will explain how software patents obstruct software development.  Software patents are patents that cover software ideas.  They restrict the development of software, so that every design decision brings a risk of getting sued. Patents in other fields restrict factories, but software patents restrict every computer user. Economic research shows that they even retard progress.

Sobre o palestrante: Dr. Richard Stallman launched the free software movement in 1983 and started the development of the GNU operating system (see www.gnu.org) in 1984. GNU is free software: everyone has the freedom to copy it and redistribute it, with or without changes.  The GNU/Linux system, basically the GNU operating system with Linux added, is used on tens of millions of computers today.  Stallman has received the ACM Grace Hopper Award, a MacArthur Foundation fellowship, the Electronic Frontier Foundation’s Pioneer Award, and the the Takeda Award for Social/Economic Betterment, as well as several honorary doctorates.


Nota para a Imprensa (press release)

Richard Stallman, uma dos maiores nomes da computação das últimas décadas, estará em São Paulo nesta sexta-feira para discutir a ameaça à inovação brasileira no mercado de software representada pelo mecanismo de patentes atualmente em discussão.

A despeito da proibição legal, o INPI tem concedido patentes de software no Brasil há anos. Com a recente consulta pública do órgão a respeito, iniciou-se um debate sobre a pertinência dessas patentes no país. Stallman, em coro com boa parte dos pesquisadores e empreendedores em software, tem atacado essas patentes como um retrocesso no campo da computação. Nesta palestra, ele mostrará como as patentes de software obstruem o trabalho do programador. Segundo ele, patentes desse tipo cobrem ideias e restringem o desenvolvimento do software, de maneira que cada decisão traz consigo o risco de um processo judicial. Além disso, pesquisas econômicas mostram que elas têm efeito negativo sobre o progresso da técnica.

Stallman fundou, em 1983, o Movimento Software Livre e iniciou o Projeto GNU e a Free Software Fundation (FSF) em 1984. Também consolidou o conceito de “copyleft” ao escrever a Licença Pública Geral GNU (GNU GPL), a licença livre mais usada no mundo. Stallman recebeu vários prêmios internacionais e doutorados honorários, como o prêmio Grace Hopper da ACM e o prêmio de pioneirismo da Electronic Frontier Foundation. Desde 1990, ele dedica a maior parte do seu tempo como ativista político, defendendo o software livre e lutando contra as patentes de software.

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em audiovisual

OLHO – Dança e Artes Visuais


Deixe um comentário

Arquivado em audiovisual

Consórcio promove Circuito Sete Cidades – Arte & Cultura

foto: Camerata de Cordas – Ana Paula Lazari/ Secult

O Consórcio Intermunicipal do Grande ABC, por meio do Grupo Temático Intercâmbio Cultural, que integra o Grupo de Trabalho de Cultura, vai promover, a partir de 17 de setembro, o Circuito Sete Cidades – Arte & Cultura. O projeto visa a um intercâmbio da produção cultural dos municípios que integram a região do Grande ABC. Apresentações gratuitas de teatro, dança, cinema, literatura, música e artes visuais, vão ocupar locais públicos das sete cidades, como teatros, parques e praças.

O Circuito permitirá que os moradores da região entrem em contato com a produção artística e cultural de todas as cidades. Um munícipe de Rio Grande da Serra, por exemplo, poderá apreciar em sua cidade uma peça de teatro fomentada em São Caetano do Sul, e vice-versa.

Confira abaixo a programação que fará parte das agendas culturais de todos os municípios da região:

17/9 (sexta) – 19h30

Mostra de vídeo da Escola Livre de Cinema e Vídeo de Santo André

Local: Cineclube Photogramas/ Pinacoteca de São Bernardo do Campo

Rua Kara, 105 – Jardim do Mar

18/9 (sábado) – 13h

La Novia, com a Cia Quartum Crescente, de Mauá

Local: Praça da Figueira, em São Caetano do Sul

Rua Visconde de Inhaúma com Rua Nelly Pelegrino, Bairro Nova Gerty

19/9 (domingo) – 16h

Grupo Andreil’s B. Boys Crew, de Rio Grande da Serra

Local: Estação Jovem, em São Caetano do Sul

Piso Superior do módulo 2 do Terminal Delic, Rua Serafim Constantino s/nº – Centro

21/9 (terça) – 19h

Abertura da exposição Pierino Massenzi, de São Bernardo do Campo

Local: Centro Cultural de Diadema

Rua Graciosa, 300, Centro

23/9 (quinta) – 20h

Camerata de Cordas da Fundação das Artes, de São Caetano do Sul

Local: Teatro Euclides Menato, Ribeirão Pires

Av. Brasil, 193, Centro

24/9 (sexta) – 19h

Encontro Literário 7 Cidades

Local: Casa da Palavra, Santo André

Praça do Carmo, 171, Centro

25/9 (sábado) – 14h

Trupe Maladin, de Rio Grande da Serra

Local: Praça Teotônio Vilela, em Mauá

Avenida Barão de Mauá.

25/9 (sábado) – 20h

Quarteto Guit’ars de Ribeirão Pires

Local: Teatro Clara Nunes, em Diadema

Rua Graciosa, 300, Centro

26/9 (domingo) – 11h

Brincantes na Praça, com o Grupo Teatro dos Brincantes, de Ribeirão Pires

Local: Praça da Bíblia, em Rio Grande da Serra

Rua Prefeito Carlos José s/nº

fonte: Consórcio Intermunicipal Grande ABC

Deixe um comentário

Arquivado em audiovisual

Festival de Cultura Colaborativa Reverberações 2010

O Festival de Cultura Colaborativa Reverberações acontece bienalmente desde 2004, conectando os coletivos de arte, artistas, gestores culturais, pesquisadores, ativistas e pensadores. Em sua 4° edição, será sediado no espaço Matilha Cultural, no centro de São Paulo,  entre os dias 07 e 10 de julho. A entrada é gratuita.

Cultura colaborativa baseia-se no conceito de informação e conhecimento livre e compartilhado. Trata-se de um encontro aberto e participativo, que articula e agrega diferentes profissionais que trabalham com novas metodologias e processos coletivos de criação e/ou iniciativas culturais colaborativas de diferentes regiões do Brasil e no exterior.

O Festival Reverberações consolida-se no cenário cultural do país como uma experiência que busca dar forma e aprofundar princípios como: colaboração, autogestão, autonomia einter-independência na produção atual da arte e cultura brasileira. Isso prevê a arte também em relacionamento com a ecologia, política, questões sociais, economia e trabalho, entre outros.

Neste ano a programação está dividida em três eixos que se somam ao propósito geral do evento de reconhecer processos, pesquisar compartilhando para propor novas ações e celebrar. Temos então varias atividades/módulos:

*Mostra no Cinema, do acervo Circuitos Compartilhados , organizado por Newtown Goto e Kynemas Fluxuz Filmes de Pedro Paulo Rocha.
.
*Exposição do Acervo Coro, organizado por Flavia Vivacqua.
.
*Laboratório de Ações, com coletivo EIA.
.
*Ações, Intervenções, Instalações e Performances, de convidados e resultado do Laboratório de Ações.
.
*Bancada de Compartilhamento com acervo de pesquisa de Ricardo Rosas.
.
*Dinâmica Coletiva – Mapa Ruptura e Transformação – com André Mesquita, Flavia Vivacqua e colaboradores convidados.
.
*Conversa em Roda sobre “Arte, Redes e Estratégias de Gestão Cultural” e “Designer Cultural Internacional”, com palestras de convidados do Brasil, França, Canadá, Espanha, Vietnã.
.
*Celebração Final na Serralheria com apresentações audiovisuais e sonoras de convidados.
.
O evento tem o design cultural realizado pela Agência de Design Cultural e Sustentabilidade NEXO CULTURAL. Também conta com o importante apoio de materiais e equipamentos do Centro Cultural da Espanha em São Paulo/AECID, um círculo de colaboradores voluntários como o Coletivo EIA – Experiência Imersiva Ambiental e o EPA!, entre outros profissionais muito dedicados e a deliciosa permuta com a Cantina Piolin para nossos jantares celebrativos!
Serviço

Nome: REVERBERAÇÕES 2010

O quê: 4° Edição do Festival de Cultura Colaborativa

Quando: de 07 a 10 de julho

Onde: Espaço MATILHA CULTURAL

Rua Rêgo Freitas 524 – República – São Paulo

Design Cultural e Realização: NEXO CULTURAL

Informações e Inscrição: www.reverberacoes.com.br

Contato: reverberar.encontros@gmail.com

*Nesta edição o trabalho humano da organização e convidados está sendo realizado de forma voluntária, com o apoio institucional para viabilizar infra-estrutura (espaços, materiais e equipamentos).

fonte:  Blog Reverberações

1 comentário

Arquivado em audiovisual